Mattias Desmet

É professor de psicologia clínica na Universidade de Ghent (Bélgica) e psicoterapeuta psicanalítico praticante. Os seus livros incluem The Pursuit of Objectivity in Psychology, Lacan's Logic of Subjectivity: A Walk on the Graph of Desire e o seu bestseller internacional The psychology of totalitarianism.
Desmet é o autor de mais de uma centena de artigos académicos revistos por pares. Em 2018 recebeu o Prémio de Estudo de Caso Psicanalítico Baseado em Evidências da Associação de Psicoterapia Psicanalítica, e em 2019 recebeu o Prémio Wim Trijsburg da Associação Holandesa de Psicoterapia.

Cláudia Leão Lopes

Mestre em Psicologia Clínica na área de Especialização em Psicologia Clínica pelo ISPA. Pós-Graduação em Neuropsicologia de Intervenção em Coimbra. Licenciada em Psicologia pelo ISPA. Especialista em Neuropsicologia e Psicologia Clínica e da Saúde pela OPP. Curso Intervenção Psicológica em Situações de Catástrofe pela OPP.
Coordenadora de Projetos, no âmbito da Psicologia Clinica e Neuropsicologia, na empresa Cuidados na Linha. Colaborou com a Unidade de Neuropsicologia do CHPL. Trabalhou em Junta de Freguesia de São Marcos (GAP – Serviço de Psicologia). Exercício da prática privada nas áreas de avaliação neuropsicológica, reabilitação cognitiva e intervenção neuropsicológica em contexto domiciliário. Candidata, nas eleições de 2016, pela Delegação Regional Sul da Ordem dos Psicólogos Portugueses. Assistente convidada na 7ª edição do curso de Pós-Graduação em Psicogerontologia, na Universidade Católica de Lisboa. Formadora na CRIAP em várias edições das Pós-Graduações em Neuropsicologia de Intervenção. Participação em projetos de investigação, na Unidade de Neuropsicologia do CHPL, designadamente a construção da escala MD-01. Autora do Projeto “Mais Psicologia na sua Freguesia”, no âmbito do 1º Orçamento Participativo da União de Freguesias de Sintra.

Gary Sidley

Diploma de honra em bioquímica/fisiologia antes de obter emprego no sistema de saúde mental do SNS em 1980, inicialmente como enfermeiro psiquiátrico. Qualificou-se como psicólogo clínico em 1989 e trabalhou numa variedade de ambientes de saúde mental de adultos. Obteve o seu doutoramento em 2000 para uma tese explorando os preditores psicológicos do comportamento suicida. Em 2013, optou pela reforma, depois de ter operado durante quinze anos como Psicólogo Clínico Profissional Principal/Consultor. É um crítico vocal das abordagens biomédicas à saúde mental, ilustrando as suas preocupações com episódios tirados da sua vasta experiência de trabalho no seio do sistema psiquiátrico. O seu livro, Tales from the Madhouse: Uma Crítica Interna aos Serviços Psiquiátricos, foi publicado pela PCCS Books em Fevereiro de 2015.
Ao longo da sua carreira, Gary apresentou numerosos workshops sobre uma série de tópicos, incluindo terapia cognitiva-comportamental para a depressão, avaliação do risco de suicídio, decisões antecipadas e compreensão da automutilação deliberada. Mais recentemente, ele deu formação sobre o abuso de poder da psiquiatria, a natureza discriminatória da Lei da Saúde Mental, os efeitos agravantes do mantra "uma doença como qualquer outra", e a abordagem perversa da psiquiatria ao risco.
No início de 2020, ficou extremamente preocupado com a resposta do Governo à crise do coronavírus e escreveu artigos sobre este assunto para uma série de publicações online, incluindo The Spectator e The Critic. Mais dos seus artigos sobre este assunto podem ser encontrados no seu blogue CORONABABBLE. Gary é também membro da Health Advisory & Recovery Team (HART) e da campanha Smile Free para levantar todos os mandatos de máscara.

Jordi Pigem

Jordi Pigem (Barcelona, 1964) é doutorado em Filosofia (Universidade de Barcelona). Foi professor residente de Filosofia da Ciência e coordenador do módulo de Filosofia do Mestrado em Ciências Holísticas no Schumacher College em Dartington (Inglaterra, 1998-2003), e foi convidado a leccionar em universidades da Europa e das Américas. Foi o vencedor do Prémio de Filosofia do Institut d'Estudis Catalans, do Prémio de Ensaio de Ressurgimento e Rede Científica e Médica, e do Prémio Joan Maragall. Mais recentemente é autor de Pandemia y Posverdad: La Vida, la Conciencia y la Cuarta Revolución Industrial (Fragmenta, 2021), e Técnica y Totalitarismo: Digitalización, Deshumanización y los Anillos del Poder Global (Fragmenta, 2022), os dois primeiros livros (publicados em catalão e espanhol) de uma trilogia que analisa o nosso tempo a partir de perspectivas filosóficas, científicas e literárias.

Paul Thacker

Paul D. Thacker é um jornalista de investigação americano radicado em Espanha e fundador do The DisInformation Chronicle, um boletim informativo que relata a corrupção na ciência e na medicina. Em 2021, ganhou o Prémio de Jornalismo Britânico por uma série publicada no The BMJ que investigou os interesses financeiros de peritos médicos que aconselharam os governos dos EUA e do Reino Unido durante a pandemia de COVID-19. Uma investigação separada que escreveu para o The BMJ analisou os problemas do ensaio clínico da vacina contra a COVID-19 da Pfizer. Esse artigo foi o finalista de um prémio de jornalismo de investigação e é o artigo mais visto em toda a ciência em 2021.

Thacker escreveu sobre conflitos de interesses e corrupção na ciência e na medicina para vários meios de comunicação, incluindo The New York Times, Los Angeles Times, Washington Post, NEJM, The New Republic, Vice, Slate, JAMA, Environmental Science & Technology e Mother Jones.
Durante vários anos, liderou uma série de investigações de alto nível no Senado dos Estados Unidos sobre a corrupção na ciência e na medicina. Este trabalho conduziu a reformas na medicina, incluindo a aprovação do Physician Payments Sunshine Act e o reforço das políticas de conflitos de interesses nos Institutos Nacionais de Saúde. Parte deste trabalho foi registado num perfil que a revista Nature escreveu sobre ele.
Thacker é antigo membro do Edmond J. Safra Center for Ethics em Harvard e deu palestras sobre jornalismo e corrupção na ciência em várias universidades, incluindo Harvard, Georgetown, MIT, Brown University, University of Toronto e University of West Virginia.

Piers Robinson

O Dr Piers Robinson é co-director da Organização de Estudos de Propaganda e foi Presidente/Professor em Política, Sociedade e Jornalismo Político, Universidade de Sheffield, 2016-2019, Conferencista/Conferencista Principal em Política Internacional (Universidade de Manchester 2005-2016) e Conferencista em Comunicação Política (Universidade de Liverpool, 1999-2005). Pesquisa e escreve sobre propaganda, meios de comunicação, política internacional e conflitos. Publicou artigos em revistas incluindo a Review of International Studies, Journal of Communication, Critical Sociology, Journal of Peace Research, European Journal of Communication, Political Science Quarterly, International Journal of Contemporary Iraqi Studies, Media, Culture and Society, Political Studies and Media, War and Conflict.
O seu trabalho tem sido citado em publicações como "The Responsibility to Protect", publicado pela Comissão Internacional sobre Intervenção e Soberania do Estado (ICISS), e tem recebido muitos convites para leccionar e aconselhar sobre estes temas.
Tem dado palestras no Colégio de Defesa da OTAN em Roma e apresentações/briefings na Universidade de Oxford a altos comandantes militares e diplomatas do Reino Unido e também deu palestras na academia militar St Cyer em França. Deu palestras públicas para Stop the War Coalition, Frome Stop the War e Media on Trial. Recentemente, em 2022, foi convidado a apresentar no All Party Parliamentary Group (APPG) a análise da resposta da COVID19 e o papel da propaganda e dos meios de comunicação social.

Andrew Lowenthal

Andrew Lowenthal é um escritor, investigador e produtor centrado no autoritarismo digital - incluindo privacidade, censura, moedas programáveis, e identificação digital.
É o co-fundador e antigo Director Executivo da EngageMedia, uma empresa de direitos digitais da Ásia-Pacífico, tecnologia aberta e segura, e de documentários sociais sem fins lucrativos, que dirigiu durante quase 18 anos. Foi bolseiro no Berkman Klein Center for Internet and Society de Harvard, no Film Studies Center de Harvard, e no Open Documentary Lab do MIT.
Actualmente é Afiliado de Investigação no Instituto de Culturas em Rede da Universidade de Amesterdão. Mais recentemente, tem trabalhado com Matt Taibbi nos Twitter Files, fornecendo apoio à investigação e escrita. Ele escreve no seu substack em networkaffects.

Josh Guetzkow

Josh Guetzkow é professor principal de sociologia e criminologia na Universidade Hebraica de Jerusalém. Obteve o seu mestrado e doutoramento em sociologia na Universidade de Princeton e foi pós-doutorando em política de saúde na Universidade de Harvard. A sua investigação tem-se centrado numa série de tópicos relacionados com política de justiça criminal, política, cultura, desigualdade, e sociologia do conhecimento. A sua investigação foi publicada em The American Sociological Review, Social Forces, The Journal of Quantitative Criminology, American Behavioral Scientist, Minerva, Law and Society Review, Politics and Society, Critical Public Health and Science, Technology and Human Values, entre outros.

Ensino superior:
Licenciado em Sociologia, Cog. Science at U.C. Berkeley, em 1998;    Mestrado em Sociologia na Universidade de Princeton, em 2001;    Doutoramento em Sociologia na Universidade de Princeton, em 2004;    Pós-Doutoramento em Sociologia, Criminologia e Política de Saúde Mental na Robert Wood Johnson Scholars in Health Policy Research Program, Universidade de Harvard, em 2004 - 2006.

Bolsas de investigação:
2002-2003 - Subsídio para melhoria da Dissertação NSF: “The Relationship between Criminal Justice and Social Welfare Policies”;    2015-2019 - Bolsa de Investigação da Binational Science Foundation: “Igualdade no Trabalho": Modos de Incorporação e Avanço de Israelo-Palestinos Qualificados”.

Anabela do Cabo Morais

Especialista em Psicologia Clínica e da Saúde. Pós-graduada em Psicologia Clínica e da Saúde pela Universidade do Algarve; Hipnose Clínica Experimental pela Faculdade de Medicina de Lisboa; Processos de Luto: Abordagem Integrativa pela Faculdade de Medicina de Lisboa; Especialização Pós-Universitária em Sexologia Educacional pela Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica (SPSC).
Terapeuta de EMDR e Brainspotting.
Formada em Psicologia. Primeiro no ISCTE em Lisboa nas áreas social e organizacional, depois na FCSH da Universidade do Algarve em clínica e saúde, sendo duplamente pós-graduada pela Faculdade de Medicina de Lisboa (1º) Hipnose Clínica e Experimental e (2º) Processos de luto: Abordagem Integrativa. Formadora Profissional desde 2000 em diversas áreas da Psicologia: Gestão de stress, Gestão de conflito, Psicologia do luto, Comunicação e Relações Interpessoais, Assertividade e Desenvolvimento Pessoal, Igualdade de Oportunidades de Género, Violência Doméstica, Formação de formadores (inicial e contínua), Recrutamento e selecção, e outros temas.
Desde 2011 é Supervisora de Estágios Profissionais para a OPP (Ordem dos Psicólogos Portugueses) e desde 2014 foi-lhe conferido a Certificação de Formadora pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua de Professores na área D06 Relações Humanas. Dá consultas privadas sobretudo no âmbito das seguintes problemáticas: traumas, medos, fobias, depressão, bordeline, bipolaridade, dor de luto, dificuldades relacionais, violência doméstica, divórcio, aconselhamento parental, consulta de casal.

João Veloso

Psicólogo Clínico e da Saúde
Psicoterapeuta
Especialista em Psicologia Comunitária
Supervisor e facilitador da EMDR EUROPE
Supervisor e Trainer em EMDR Crianças & Adolescentes
Investigador Convidado Observatório do Trauma – Universidade de Coimbra
Representante de Portugal no Board da European Society for Traumatic Stress Studies
Coordenador Psicologia ANAFS – ONGD Proteção Civil
Participação como orador em diferentes Congressos nacionais e Internacionais
Membro do Comité de EMDR Crianças e Adolescentes da EMDR Portugal e Europa
Consultório em Lisboa e em Leiria

Michael P. Senger

Michael P. Senger é um advogado baseado em São Francisco e autor do livro Snake Oil: How Xi Jinping Shut Down the World. Trabalha com empresas nacionais e internacionais, parcerias, LLCs, e indivíduos para encontrar soluções práticas para questões complexas de estruturação e planeamento fiscal.
Michael elaborou pareceres e disposições para uma vasta gama de estruturas fiscais, fusões, financiamentos, reestruturações, spin-offs, e acordos de licenciamento, e aconselhou clientes americanos e multinacionais no planeamento e cumprimento das disposições nacionais e internacionais da Tax Cuts and Jobs Act.
A sua experiência em controvérsia fiscal inclui a representação de empresas, proprietários de empresas e outros indivíduos em casos, protestos e pedidos de decisão por cartas privadas perante o IRS, o Tribunal Fiscal dos EUA e tribunais estaduais e municipais.
Antes da sua carreira jurídica, Michael foi CPA numa grande empresa de contabilidade, onde realizou auditorias a bancos multinacionais e outras empresas financeiras cotadas na bolsa.

Joana Amaral Dias

Joana Amaral Dias é conceituada no campo da Comunicação, com mais de 15 anos de experiência em comentário e análise televisiva, bem como na imprensa, tendo colaborado com a TSF, a SIC, a SIC Notícias, o Diário de Notícias, entre outros e, mais recentemente, com a RTP e a CMTV. Com sólidos créditos como colunista e opinion maker, abrange com sucesso áreas muito diversas, desde a Política e Psicologia ao Cinema e Futebol.
Foi dirigente associativa, deputada à Assembleia da República e dirigente partidária. Psicóloga Clínica, Mestre em Psicologia Clínica pela Universidade de Coimbra, com Doutoramento pelo Chicago Center for Family Health/ University of Chicago, dá aulas há 20 anos no Ensino Superior em várias instituições, desde a Universidade Luterana do Brasil ao Instituto Superior de Psicologia Aplicada.
Titular de várias Pós-Graduações, exerce clínica privada em Lisboa e é autora de quatro bestsellers nas suas áreas: Maníacos de Qualidade (2010), Portugal a Arder (2011), O Cérebro da Política (2014), Sonhos Públicos (2018). Joana Amaral Dias é ainda consultora em Gestão de Recursos Humanos e Comunicação - Imagem Organizacional.

James Roguski

James Roguski é um investigador, autor, defensor da saúde natural e activista que acredita que os velhos sistemas estão a desmoronar-se, pelo que temos de construir rapidamente os seus substitutos.
Em Março de 2022, James descobriu documentos relativos a alterações propostas ao Regulamento Sanitário Internacional e foi fundamental para aumentar a sensibilização para as mesmas, o que resultou na rejeição das alterações.
James está agora a fazer todos os possíveis para expor a agenda oculta da OMS por detrás da sua proposta de "tratado sobre a pandemia", bem como as tentativas em curso da OMS para alterar o Regulamento Sanitário Internacional. A visão de James para o futuro pode ser resumida pela frase: "Fora da OMS e dentro com o NOVO".

Ana Moreira

A Drª Ana Moreira é médica Licenciada em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, Mestre em Medicina Biológica e Anti-envelhecimento pela Universidade de Alcalá, em Madrid, Pós-Graduada em Dermofarmácia e Cosmética, Pós graduada em Medicina do Envelhecimento, Pós graduada em Climatologia e Hidrologia, Pós graduada em Medicina do Trabalho e Doutoranda em Saúde Quântica na Universidade de Jaipur, Índia.
É membro da Ordem dos Médicos Portugueses e diretora clínica do Centro de Medicina Integrativa, Dra. Ana Moreira, no Porto. É formadora na área de saúde e participa regularmente em seminários e palestras, nacionais e internacionais, como oradora. Realiza retiros médicos em cadeias hoteleiras internacionais.

Paulo Sargento

Concluiu Neuropsicologia Clinica - Universidad de Salamanca em 2015. É Professor Auxiliar na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Publicou 5 artigos em revistas especializadas, possui 2 livros publicados. Possui 1 item de produção técnica. Co-orientou 1 tese de doutoramento e co-orientou 1 dissertação de mestrado nas áreas de Economia e Gestão e Psicologia. Recebeu 4 prémios e/ou homenagens. Actua nas áreas de Ciências Médicas com ênfase em Ciências da Saúde e Ciências Sociais com ênfase em Psicologia. Nas suas actividades profissionais interagiu com 19 colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos.

Graus:
Licenciatura:     Psicologia
Doutoramento:    Neuropsicologia Clinica
Pós-Graduação:  Psicologia Legal
Pós-Graduação:  Desenvolvimento Humano
Pós-Graduação:  DEA Psicobiologia

CV detalhado.

Laura Sanches

Laura Sanches é psicóloga clínica desde 2002 e concluiu um mestrado em Consciousness and Transpersonal Psychology na Universidade John Moores em 2004 Fez também e alguns cursos de especialização em Aconselhamento e Psicoterapia. Neste momento exerce no seu consultório particular, no Espaço Vida, em Lisboa, onde, para além das consultas, também dá formação em vários temas ligados à gestão do stress e à parentalidade. É autora de quatro livros já publicados e de vários artigos em revistas e jornais.

Liliana Ferreira de Oliveira

Experiência profissional: 1991-2014 - Colégio Sá de Miranda responsável pelos Serviços Administrativos e Relações-Públicas. Participação, colaboração, produção e organização de atividades internas e externas do Colégio, orientadas para estabelecer a ligação entre a escola e o aluno/encarregado de educação.
2015- 2020 - Auxiliar de Educação Educativa no Agrupamento de Escolas Filipa de Lencastre, com experiência efectiva no acompanhamento de crianças com Trissomia 21 e Autismo.
Outras Actividades: Colaboração com a Associação Zona Franca na distribuição alimentar a famílias carenciadas.
Voluntariado na Associação Anapar como assessora de produção de espetáculos e eventos.
Voluntariado como Assessora de direcção, gestão e produção do 1º Congresso Internacional de Gestão de Saúde e Pandemia decorrido em Fátima, Portugal.

Jean-Jacques Maurice

Consultor em Gestão Operacional do Stress para o nosso desempenho físico e mental Antigo executivo especializado em desenvolvimento internacional (Europa, Ásia-Pacífico e América do Sul), e director de filiais e zonas de um grande grupo bancário, Jean-Jacques Maurice tem trabalhado na investigação dos efeitos do stress e das preferências no nosso desempenho físico e mental e nas suas aplicações práticas durante dez anos.
- Dormir, um dos pilares da nossa saúde - Decidir sob stress
- Predom, individualmente ou em equipa: como optimizar o nosso tempo e energia medindo a força das nossas preferências e evitações
- Titular de um DU em Psicossomática Integrativa, Universidade de Paris VI
- Membro da sociedade de psicossomática integrativa
- Praticante de TOP (Técnicas de Optimização do Potencial®)
- Coronel da Reserva Cidadã do Exército, do Ar e do Espaço - Rede ADER
- Co-autor do livro "La Stresso-Thérapie" com uma parteira e dois médicos

Tesoureiro da APOMF Associação Portuguesa da Ordem do Merito Francês, Vice-Presidente da UFE Lisboa e Presidente do Conselho Fiscal da Alliance Française de Lisbonne. Orador sobre temas relacionados com neuromarketing, PSR e gestão do stress.

Miguel Montenegro

Miguel Montenegro é mestre em psicologia clínica. Foi o único aluno na história do ISPA a concluir a formação em dois anos – sem equivalências –, e com mérito académico. É membro da SPPE – Sociedade Portuguesa de Psicoterapia Existencial. É autor de vários artigos científicos publicados em revistas científicas internacionais e de capítulos de livros no âmbito da psicologia clínica e da filosofia. Exerce psicoterapia na Clínica de Psicanálise Carlos Amaral Dias e em consultório privado.

Atualmente, está a concluir uma tese de doutoramento em Filosofia Política contemporânea, cujo tema é o Covidismo, entendido como um movimento totalitário do início do século XXI. Os seus autores de referência são Michel Foucault, Gil Deleuze, Friedrich Nietzsche, Hannah Arendt, Giorgio Agamben, Peter Sloterdijk e Byung Chul-Han.

Tornou-se ativista político durante o Covidismo, participando e promovendo ações diversas de denúncia do carácter inconstitucional e totalitário dos estados de emergência, tendo resistido a todas as medidas sanitárias coercivas. Nunca usou máscara.

Colin Alexander

Palestrante Sénior em Comunicação Política na Escola Superior de Artes e Humanidades. Trabalha na equipa de disciplinas de Comunicação e Sociedade e contribui para o ensino da BA Joint Honours Humanities, BA Media Communication and Culture e para os programas de mestrado em Comunicação e Globalização. Tem supervisionado, e está actualmente a supervisionar, projectos de doutoramento sobre muitos tópicos próximos dos seus interesses de investigação.
Carreira:
O Dr. Alexander tem um doutoramento em Estudos das Comunicações pela Universidade de Leeds, Reino Unido. A sua tese examinou o papel desempenhado pela diplomacia pública na China e na competição de Taiwan para aliados diplomáticos no Sul Global. Esta investigação foi orientada pelo Prof. Gary Rawnsley, Prof. Philip Taylor e Dr. Robin Brown. Antes de se juntar à NTU em Setembro de 2013, o Dr. Alexander tinha ocupado cargos na Universidade de Leeds, Universidade Metropolitana de Leeds, e Universidade Sheffield Hallam. Durante 2013, passou oito meses a trabalhar em Taiwan como Bolseiro de Investigação do Ministério dos Negócios Estrangeiros de Taiwan na Universidade Nacional Normal de Taiwan, em Taipé. Antes de uma carreira académica, o Dr. Alexander trabalhou na indústria empresarial, ocupando cargos na Hewlett Packard (HP), Bell Micro Inc. e Yorkshire Building Society.

Pesquisa acerca da Propaganda do Coronavirus:
Coronavirus e o Manual de Guerra Britânico de Propaganda, Propaganda COVID de um Governo viciado, Compreender as Comunicações em torno da Vacina contra o Coronavírus, propaganda Coronavirus - em busca do mandato de serviço público da BBC, propaganda Coronavirus - reflexões sobre um episódio de autodestruição em massa.

Manuel Domingos

Assistência a doentes neurológicos ou Psiquiátricos com Compromissos Encefálicos e consequentes Alterações do Estado Mental.

Investigador nas Áreas da Neuropsicologia, Neurociências e Criminologia.

Professor Universitário de Neurociência, Neuropsicologia, Biologia e Psicopatologia do Envelhecimento.